14/07/2020

TCE-RJ: nota divulgada sobre decisão do STF

O Cebraspe divulgou nesta segunda-feira, 13 de julho, uma nota sobre a decisão tomada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) que declarou inconstitucional a Lei Complementar Estadual 124/2009. De acordo com o documento, a comissão organizadora do concurso decidiu que a prova poderá abordar a versão original da Lei Orgânica do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ). Confira aqui publicação.
 
A seleção está com o cronograma suspenso desde março deste ano devido a medidas preventivas contra o COVID-19.

 

Sobre o concurso:
São oferecidas 40 vagas de analista do controle externo, cargo que exige nível superior. Confira a distribuição das vagas.
 
Área/Especialidade AC PCD Negros e Índios Hipossuficientes
Ciências Contábeis 6 1 1 1
Controle Externo 11 1 2 2
Direito 5 1 1 1
Tecnologia da Informação 4 1 1 1

 

Requisitos:
  • Especialidade Ciências Contábeis: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Ciências Contábeis, registro no órgão de classe e dois anos de prática profissional;
  • Especialidade Controle Externo: diploma, devidamente registrado, de nível superior em qualquer área de formação e dois anos de prática profissional;
  • Especialidade Direito: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso em Direito, inscrição na OAB ou, no caso de o candidato exercer função incompatível com o exercício da advocacia, documento comprobatório da incompatibilidade para o exercício da profissão e, no mínimo, dois anos de prática profissional;
  • Especialidade Tecnologia da Informação: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Ciência da Computação, Engenharia de Sistemas, Engenharia da Computação ou de curso de nível superior correlato na área de Informática ou de Tecnologia da Informação e dois anos de prática profissional.

 

Remuneração e benefícios:
A remuneração inicial é de R$13.708,81, sendo R$7.410,17 de vencimento base e R$6.298,64 de gratificação de controle externo. Além disso, o Tribunal conta com outros benefícios como:
  • Auxílio-alimentação de R$1.064,80
  • Auxílio-saúde de R$726
  • Auxílio-transporte de R$314,60
  • Auxílio-educação de R$1.174 (para cada dependente, limitado a três)

 

Provas:
Os candidatos serão avaliados por meio de provas objetiva e discursiva, em novas datas a serem divulgadas.
 
A prova objetiva terá a duração de 5 horas e será composta por 100 itens de conhecimentos básicos e 100 itens de conhecimentos específicos. Já a discursiva terá duração de 4 horas e contará com 3 questões e uma peça de natureza técnica. Além das etapas eliminatórias/classificatórias, há também a avaliação de títulos, que tem caráter classificatório.
 
Confira o edital.

 

Livros indicados: